Pesquisadores investigam questões ligadas à ciência dos sonhos

Estado de São Paulo

A pesquisadora e neurocientista Natalia Mota, do Instituto do Cérebro da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), é uma das autoras do estudo publicado na PLOS One que confirmou que os relatos de sonhos ocorridos durante o estágio de sono REM (do inglês Rapid Eye Movement; em tradução livre, “Movimento Rápido dos Olhos”) tendem a ser mais complexos e conectados que os do sono não REM. Leia mais.

Deixe uma resposta