Pesquisa brasileira revela que polvos possuem duas fases do sono

MARIA CLARA ROSSINI – SUPERINTERESSANTE

O Instituto de Cérebro, liderado pelo pesquisador Sidarta Ribeiro, é referência no mundo em estudos sobre sono. Em 2020, o laboratório da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) fez descobertas sobre a complexidade dos sonhos e desenvolveu maneiras de acelerar o diagnóstico de esquizofrenia com base neles. Agora, os pesquisadores brasileiros descobriram que o sono dos polvos é bastante parecido com o nosso.

A pesquisa publicada no periódico iSciencerevela que os polvos possuem uma fase ativa e curta, e outra mais longa e tranquila do sono. Esses estágios seriam equivalentes à fase REM (sigla para movimento rápido dos olhos) e não-REM em mamíferos.

LEIA AQUI

Deixe uma resposta