1. (PN) – Prova de neurociências (eliminatória e presencial);
Veja a Bibliografia recomendada.

2. (ACV) – Apresentação de Curriculum Vitae e entrevista (classificatória e presencial);

3. – A PN é de múltipla escolha, envolvendo conceitos de neurobiologia celular e molecular, neurobiologia de sistemas e cognição e neurocomputação, neuroengenharia e neuroterapia.

3.1 – São atribuídas notas de 0 (zero) a 10 (dez) para as provas;

3.2 – São eliminados do processo seletivo os candidatos que não obtiverem nota igual ou superior a 5,0.

4 – Os candidatos cujas notas obtidas na Prova de Neurociências estejam entre as 25% mais altas (desde que igual ou superior a 5,0) dentro de cada área de pesquisa, serão convocados para a ACV.

5 – A apresentação ACV é efetuada pelo candidato, na presença do comitê de seleção e o pesquisador responsável pela área de pesquisa, e abordará, entre outros tópicos, a história do candidato, conhecimentos científicos gerais, e possibilidades de planos de pesquisa futuros.

6 – A nota final será calculada de acordo com a seguinte relação: Nota Final: (0.4* Prova de Neurociências + 0.6* Apresentação de Curriculum Vitae)

7 – O candidato com a nota final igual ou superior a 7,0 (sete) será aprovado no processo seletivo, conforme disponibilidade de vagas, e sua colocação será baseada na nota final.

7.1 – Em casos de candidatos com a mesma nota final, serão utilizados como critérios para desempate, nesta ordem, as notas da Prova de Neurociências, apresentação de Curriculum Vitae e idade.

O resultado do Processo Seletivo é publicado no SIGAA e nessa página.